Farmácia Gota Mais



A banana e sua importância na alimentação

13/08/2014

Rica em carboidratos, macronutriente responsável pela função energética que fornecem glicose às células, a banana é uma excelente opção de fruto a ser consumido diariamente. Além disso, a banana é rica em fibras e minerais, importantes para saúde intestinal e metabólica.

A banana ainda possui a vantagem de ser prática e conveniente para o consumo, sua casca constitui-se em uma embalagem individual, de fácil remoção e higiênica.

Com relação ao consumo de banana e seu impacto na saúde intestinal, estudos recentes tem verificado que o consumo da biomassa de banana verde por conter amido resistente, que não é digerido e nem absorvido no intestino delgado podendo trazer benefícios para o indivíduo. O amido resistente é fermentado no intestino grosso produzindo substâncias que servem como fonte de energia para a produção das bactérias benéficas do nosso intestino, regulando assim tanto casos de constipação quanto de diarreia.

Sabe-se por mitos populares que o consumo de banana maçã teria o efeito de constipação intestinal, enquanto outras bananas como prata, ouro, nanica seriam neutras, porém ainda não existem estudos científicos que comprovem este efeito.

As bananas são famosas ainda por conter potássio, em média 100g de banana possui 350mg de potássio, sendo a recomendação diária de 4700 mg. O potássio é responsável pelo equilíbrio de água e sódio no corpo, regulação neuromuscular e crescimento das células. É essencial para praticantes de atividade física uma vez que o potássio está presente nas reações musculares e sua carência pode levar a câimbras e lesões.

Em relação a recomendação da quantidade de bananas ao dia, não existe uma determinação, mas segundo a Organização Mundial da Saúde deveríamos consumir 5 frutas diariamente e de preferência diferentes a fim de obter nutrientes diversificados. Portanto, consumir de 1 a 2 bananas ao dia seria o ideal. Ela pode ser ingerida no café da manhã ou pré-treino acompanhada de um cereal integral como a aveia ou linhaça ou semente de chia ou servir como um lanche intermediário da manhã ou da tarde acompanhada de um iogurte ou batida com leite desnatado, a fim de quebrar o jejum e fornecer glicose principalmente para o cérebro.

 

Fonte: Minha Vida / Karina Valentim da PB Consultoria em Nutrição.

 

Acompanhe a Farmácia Gota Mais nas redes sociais.

Assine nossa Newsletter e receba nossas promoções em primeira mão.